red bull bc one world final rj
NotíciasEventosRio de Janeiro

Rio de Janeiro receberá “Red Bull BC One” em 2024, o maior evento de breaking do mundo

A grande Final Mundial do Red Bull BC One 2024 já tem endereço: a Jeunesse Arena, no Rio de Janeiro!

No dia 07 dezembro de 2024, o Brasil receberá pela terceira vez a fase global da maior competição de breaking 1×1 do mundo.

A primeira passagem do campeonato pelo Brasil para uma final global foi em 2006, em São Paulo, no Memorial da América Latina.

O Rio de Janeiro também já recebeu o torneio em 2012 e, essa será a segunda vez que a capital carioca irá sediar a etapa decisiva do evento, celebrando o Breaking e os 20 anos de história do campeonato.


O melhor do breaking de todo o planeta vai desembarcar no Brasil no ano que vem: é isso aí, a Final Mundial do Red Bull BC One vai rolar no Rio de Janeiro em 2024. Pela terceira vez o maior evento de breaking 1×1 vai ter seu título definido no Brasil, depois de 2006 (São Paulo) e 2012, no próprio Rio. O evento vai rolar dia 7 de dezembro, na Arena Jeunesse, e os ingressos já estão à venda 🔥.
O anúncio foi feito neste sábado em Paris, durante a Final Mundial do Red Bull BC One. No ano que vem, Brasil e França serão os únicos países a receber três vezes o evento, que teve sua primeira edição em 2004, com Final Mundial em Biel, na Suíça.

Red Bull BC One: a história

Red Bull BC One nasceu há 19 anos com uma proposta diferente dos campeonatos de breaking que eram realizados até aquele momento: as batalhas passaram a ser individuais, o que não existia. Assim, o evento tornou-se a primeira competição do mundo com batalhas 1×1.
Em 2018, as B-Girls também ganharam sua chave na Final Mundial, um torneio mata-mata em que os participantes dançam em frente a um painel formado por cinco jurados e têm suas habilidades avaliadas. E vale tudo para impressionar: técnica, criatividade e simpatia. Quem for melhor em todos os requisitos, fica com a vitória.

E o Brasil?

Viu aí em cima que, por enquanto, só tivemos um vencedor latino-americano? Neguin levou o título em 2010. “Quando estou em uma competição, não estou lá para ganhar, estou para aprender”, diz o B-Boy.
Pra chegar até a Final Mundial, você precisa ser um dos convidados — em 2023 foram 12 B-Boys e 12 B-Girls, os “wildcards”. Eles são escolhidos por um time de especialistas por sua relevância na cena. As vagas restantes pra completar a chave de 16 são disputadas na Last Chance Cypher, evento que rola entre os vencedores das cyphers nacionais.
Agora é esperar pra ver quem vai representar o Brasil em 2024. Prepare-se pra muitas emoções e até ano que vem!

Leia também:

pt_BRPortuguese