WhatsApp Image 2024 04 25 at 11.15.36 1
NotíciasAções Realizadas

FÓRUM DE COMUNICAÇÃO E MARKETING DO HOTÉISRIO DEBATE MARKETING NA ÁREA DE ALIMENTOS

O HotéisRIO organizou nesta quinta-feira, dia 25, a primeira reunião do seu Fórum de Comunicação & Marketing em 2024. O evento, realizado no Windsor Flórida Hotel, teve foco na influência do marketing na área de A&B (alimentos e bebidas).

Na abertura, o coordenador do fórum e gerente de marketing da Rede Windsor de Hotéis, Vitor Almeida, ressaltou que o objetivo do fórum é fomentar a troca de experiências entre os profissionais da área. “A circulação de informações sobre tendências, fornecedores e práticas de mercado é essencial para o desenvolvimento do segmento nos hotéis. Nossa ideia é que todos se engajem e proponham demandas”, disse.

Alex Turnes, diretor dos hotéis Arena, lembrou que toda a equipe de A&B deve ter em mente que o marketing é importante para a operação. “O garçom também é um marqueteiro, é a ponta de lança das vendas”. Turnes contou sobre a experiência de transformar o Otaviano, da rede de hotéis, em um “restaurante de rua”, focado em gastronomia espanhola. “Usamos o iFood como uma das ferramentas de marketing. Foi um desafio pensar em uma embalagem que pudesse acomodar de forma adequada uma paella”.

A palestra “O sabor do sucesso – o poder do marketing fomentando o universo de A&B”, foi ministrada pelo gerente geral dos restaurantes Empório Jardim, Leonardo Capdeville, que reúne a experiência de ter atuado nos hotéis Copacabana Palace, La Residencia, em Mallorca, Espanha, na rede Windsor Hotéis, além de ser professor da Universidade Estácio de Sá. “A área de A&B espera que o setor de marketing promova ações que criem valor para os clientes e ajudem a gerar demanda para seus produtos e serviços”, afirmou.

Capdeville falou sobre a necessidade de os hotéis maximizarem o conhecimento sobre seus clientes de forma a entenderem como atendê-lo melhor. “Como fazer seu cliente trocar um famoso restaurante de rua pelo do hotel? Descobrindo, por exemplo, quais lugares ele visitou. Porque se você fizer uma degustação de cachaça na piscina do seu hotel pode ser que seu hóspede faça uma comparação não com o restaurante do lado, mas sim como uma experiência que ele teve em uma vinícola em Mendoza, na Argentina, em uma viagem anterior”.

Segundo ele, é essencial criar nos hóspedes um sentimento de exclusividade, pois as melhores memórias são geradas por pequenos detalhes. “As pessoas pagam por experiências genuínas e é isso que os empreendimentos hoteleiros devem oferecer, até para criar nos hóspedes uma identificação com a marca”, explicou Capdeville. “Temos que aliar um excelente atendimento a tecnologias únicas e inéditas, como realidade aumentada, computação gráfica e inteligência artificial. Um exemplo é um cardápio digital interativo. Em resumo, trabalhe com metas, domine sua operação, invista em tecnologia, ineditismo e em seus funcionários”.

Leia também:

pt_BRPortuguese