Notícias

MTur anuncia liberação de R$ 8,5 mi para reforma de sambódromo do Rio de Janeiro

 

Em agenda institucional no Rio de Janeiro nesta sexta-feira (13), o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, garantiu a liberação de R$ 8,5 milhões para reformas no Sambódromo, local do desfile das escolas de samba na capital carioca. As obras na Passarela do Samba têm como objetivo promover a adequação de exigências do Corpo de Bombeiros.

Durante a agenda na capital fluminense, o ministro visitou também o Centro de Operações Rio (RIO) e o Cristo Redentor. Participaram da agenda o prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, o senador Flávio Bolsonaro, o secretário municipal de Ordem Pública, Gutemberg Fonseca, além do secretário de Estado de Turismo do Rio de Janeiro, o ex- deputado Otávio Leite.

O ministro conheceu as instalações do Sambódromo e reafirmou o compromisso do MTur com os recursos para a reforma. As obras, já iniciadas, incluem melhorias nas arquibancadas, sistemas elétrico e pluvial, combate a incêndio e pânico, além do gradeamento dos setores. O ministro destacou a relevância do Carnaval para a cidade e para a vida do carioca e do brasileiro. “Trata-se de um dos maiores eventos do mundo. Quero parabenizar o prefeito Crivella, o senador Flávio Bolsonaro e o presidente Jair Bolsonaro por essa reforma que, segundo os engenheiros, será a maior já feita no Sambódromo. Isso trará mais segurança para todos aqueles amantes do Carnaval”, disse.

CENTRO DE OPERAÇÕES RIO

Ainda na parte da manhã, o ministro conheceu o Centro de Operações Rio (COR), que tem como objetivo monitorar a operação da cidade e, durante os grandes eventos, minimizar seus impactos na vida do cidadão. Além disso, o COR é responsável por emitir alertas para os setores responsáveis sobre situações de emergência como: chuvas fortes, deslizamentos e acidentes de trânsito.

O chefe executivo do COR, Alexandre Cardeman, fez uma apresentação e ratificou a importância do COR para o carnaval da cidade, que chega a reunir 7 milhões de pessoas nas ruas da cidade. Segundo ele, as informações do COR são repassadas para a população por meio de SMS, aplicativo do Centro de Operações, redes sociais, aviso à imprensa, relógios digitais de rua, Uber, Waze e telões dos estádios.

A comitiva que acompanhou a visitação também esteve no Cristo Redentor. Nesta semana, o ponto turístico foi anunciado como 16º lugar mais visitados no mundo em uma lista elaborada pelo aplicativo de transporte.

Fonte: Mercado&Eventos
Foto: Roberto Castro-MTur

Curta nossa página no LinkedIn e fique por dentro de conteúdos exclusivos!

LEIA TAMBÉM: