Notícias

Conselho Nacional de Turismo reúne trade e debate demandas da retomada

56ª reunião do Conselho Nacional de Turismo debateu a retomada do setor. Crédito: Roberto Castro/MTur

O Conselho Nacional de Turismo (CNT) se reuniu nesta terça-feira (14), em Brasília, para debater a retomada do setor, tratar de demandas e traçar planos para o pós-pandemia. O ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, presidiu a reunião ao lado dos secretários nacionais da Pasta. O encontro também teve participação do presidente da Embratur, Carlos Brito, e de representantes do trade e de várias entidades do setor.

Gilson Machado Neto destacou as ações do governo federal para socorrer o setor e pediu união para que o turismo brasileiro siga se fortalecendo em todos os seus segmentos. “O Brasil é a maior oportunidade para o turismo no pós-pandemia e estamos trabalhando 24 horas por dia para estruturar o setor, diminuir o peso do Estado das costas dos empresários, capacitar os trabalhadores e gerar emprego e desenvolvimento”, disse. “Contem com o Ministério do Turismo”, finalizou.

O assessor especial de Assuntos Técnicos e Normativos, Wilken Souto, fez um balanço de ações do Ministério do Turismo durante a pandemia, como os recursos extraordinário do Fundo Geral de Turismo (Fungetur), cursos de qualificação, protocolos de biossegurança, conclusão de obras de infraestrutura, campanhas para remarcação de viagens e as medidas para preservação de empregos e empresas do setor.

Presente na reunião do Conselho, o presidente da Brasil Convention & Visitors Bureaux, Marcio Santiago, destacou a defesa que o ministro do Turismo faz do setor e do Brasil por onde passa. “O senhor tem feito um trabalho exaustivo pelo Brasil e a gente se solidariza em 100% das suas colocações, que são contundentes e objetivas. Fica aqui meus parabéns”, afirmou.

Para o presidente da Associação Brasileira das Operadoras de Turismo (Braztoa), Roberto Nedelciu, a pandemia ensinou o setor a trabalhar em conjunto, como, por exemplo, a criação de um grupo com entidades do trade. “Cada associação abdicou de suas reivindicações para trabalhar em conjunto em prol do turismo. Quero agradecer toda a receptividade do ministro, do Carlos Brito e de todos que nos atenderam em nossas reivindicações”.

 

Fonte: Mercadoeevento

Curta nossa página no LinkedIn e fique por dentro de conteúdos exclusivos!

LEIA TAMBÉM: